Vítima de feminicídio qualificado tentado em Araxá sofreu 14 golpes de faca, diz Polícia Civil

 Vítima de feminicídio qualificado tentado em Araxá sofreu 14 golpes de faca, diz Polícia Civil

Foto: Arquivo Diário Sintonia

Mais detalhes sobre o crime de feminicídio qualificado tentado contra uma mulher, de 25 anos, foram revelados pela Polícia Civil (PC) à imprensa na noite desta sexta-feira, 11 de fevereiro. O homem de 36 anos foi preso após o mandado de prisão preventiva receber autorização da Justiça.

Segundo informado pela PC, “o suspeito, inconformado com o término do relacionamento amoroso que mantinha com a vítima e motivado por ciúmes, invadiu a residência da vítima e, agindo com ‘animus necandi’, desferiu 14 (quatorze) golpes de faca na mesma, tendo ele fugido do local logo após. A vítima foi socorrida em tempo de ser salva, impedindo a consumação do delito”.

O crime ocorreu no último sábado, 5, em residência situada no bairro Santa Terezinha. A Polícia Civil informa que ele possui antecedentes criminais. Caso seja condenado pelo crime de feminicídio tentado, a ação delituosa se enquadra no artigo 121, parágrafo. 2°, incisos II, IV, VI, CP, de acordo com o que rege a lei.

Ele já foi encaminhado ao presídio de Araxá com a investigação sendo feita pela 2ª Delegacia Regional de Polícia Civil, através da Delegacia de Crimes Contra a Vida.

Outras Notícias