Limite do saque imediato do FGTS passa para R$ 998

 Limite do saque imediato do FGTS passa para R$ 998

 

O limite do saque imediato das contas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) passou de R$ 500 para R$ 998. Porém, somente os trabalhadores que tinham o saldo de até um salário mínimo na conta vinculada do fundo em 24 de julho deste ano, data da Medida Provisória (MP) nº 889, que dispõe das novas regras de saque do benefício, poderão sacar esse valor.

Para quem tinha saldo maior, o limite continua em R$ 500. Já aqueles que sacaram os R$ 500, mas se enquadram na regra, poderão sacar os R$ 498 restantes. O prazo limite para a retirada é 31 de março de 2020. Esta Medida Provisória foi convertida em lei na tarde de ontem, 11/12, por sanção do presidente Jair Bolsonaro.

 

Outras Notícias