Familiares temem encerramento de ala psiquiátrica de hospital

 Familiares temem encerramento de ala psiquiátrica de hospital

 

A vendedora Silvania Theodora de Almeida foi surpreendida com a notícia do fechamento da ala de psiquiatria do hospital Casa do Caminho a partir de sexta-feira (29/11), divulgada pela própria diretoria do hospital durante uma reunião com familiares de pacientes. Silvana faz um apelo as autoridades políticas para evitar que muitos pacientes sejam prejudicados. A unidade de Psiquiatria-Dia atende atualmente aproximadamente 130 pacientes com transtornos mentais de Araxá e região.

 

É um serviço substitutivo onde atua uma equipe multidisciplinar composta por psiquiatras, psicólogos, terapeutas ocupacionais, serviço social, monitoras de artes, equipes de enfermagem e apoio.

 

A equipe auxilia no desenvolvimento de habilidades através de aspectos psíquicos e emocionais e a humanização do atendimento. E visa a inclusão social do usuário, e com esse propósito são atendidos também os familiares dos pacientes, tanto na Instituição, como no domicílio, com o objetivo de orientá-los da melhor maneira no auxílio ao tratamento do paciente, visando sempre a inclusão social do usuário.

Outras Notícias